Google I/O 2018 terá Android P e mais: veja o que esperar do evento

Google I/O 2018

Google I/O 2018 é a conferência anual para desenvolvedores da companhia e começa na próxima terça-feira (8). A novidade mais aguardada do evento é o novo Android P. Entre os temas centrais também estão o uso de inteligência artificial, inovações no Google Assistant e experiências de realidade virtual e aumentada.

Serão três dias de apresentações sobre os próximos projetos e iniciativas voltadas para todo os produtos da gigante de Mountain View. Você poderá acompanhar a cobertura do evento feita pelo TechTudo direto da Califórnia. Enquanto a próxima semana não chega, confira os possíveis lançamentos do I/O deste ano.

Android P

Uma prévia para desenvolvedores do novo Android já foi lançada pelo Google, mas agora será a chance de conhecer melhor as novidades do sistema operacional para celular. Os novos recursos devem incluir camuflagem do sinal de operadora, um editor de screenshots nativo, maior precisão para determinar a localização do usuário, notificações mais sofisticadas, maior privacidade, autenticação de impressões digitais aprimorada, suporte a múltiplas câmeras e ao “notch” — nome do polêmico recorte na tela que começou com o iPhone X.

Também deve haver algo novo em termos de design. Recentemente, aconteceram mudanças visuais no Gmail, no Chrome, na interface da conta do Google, no Google Play e em outros produtos. Acredita-se que essas alterações apontam para uma evolução do Material Design, que já foi chamada por alguns de Material Design 2. Na conferência, o novo estilo deve ser formalizado e exibido em uso no Android P.

Android P terá editor de screenshots nativo  (Foto: Reprodução/XDA Developers)

Android P terá editor de screenshots nativo (Foto: Reprodução/XDA Developers)

Outra expectativa para o novo Android é o suporte à navegação por gestos, semelhante ao que já existe no iOS (iPhone). O próprio Google vazou acidentalmente uma captura de tela que mostrava a barra de navegação do sistema com formas que indicam movimento e a possível incorporação de uma interface navegável por gestos. Conforme já é tradição no I/O, mais uma prévia para desenvolvedores deve ser lançada, talvez a primeira versão considerada “beta”.

Google Assistant

Aperfeiçoamentos para o assistente inteligente do Google devem ser anunciados. Já se sabe que o Google Assistant está ficando mais internacional e poliglota e que ele passará a responder por outros nomes, em vez de apenas “Hey Google” ou “Okay Google”. Portanto, podemos esperar mais notícias quanto a isso.

Mais uma inovação ainda mais interessante é o Slices, nome de uma API presente na versão para desenvolvedores do Android P. Não se sabe ao certo ainda do que se trata, já que a descrição do Google foi um pouco vaga. Especula-se, porém, que o Slices seja um recurso para que os conteúdos dos aplicativos sejam exibidos nos resultados de busca do Google Assistant. Uma das pistas para essa suposição é, segundo consta na agenda do evento, haver uma palestra intitulada “Integre seu app do Android com o Google Assistant”.

O assistente, é claro, não está limitado aos smartphones. Avanços no software dos dispositivos Google Home e smart displays também devem ser anunciados, especialmente com relação à interação dos usuários.

Android TV

A situação do Android TV, sistema operacional para televisões, é instável, já que desde o fim do Nexus Player não há nenhum dispositivo próprio com suporte. Parece que um gadget com forma similar a do Chromecastserá a solução. O produto, junto com um controle remoto, apareceuna Comissão Federal de Comunicações (FCC), órgão regulador dos Estados Unidos, em abril. Já a interface do Android TV pode ser reformada, com maior foco nos serviços de conteúdo do Google, como o YouTube e o Play Movies.

Dispositivo que pode ser o novo Android TV apareceu no FCC, órgão dos EUA (Foto: Reprodução/Android Police)

Dispositivo que pode ser o novo Android TV apareceu no FCC, órgão dos EUA (Foto: Reprodução/Android Police)

Google Lens

Anunciado no festival do ano passado, o Google Lens é uma ferramenta que usa a câmera do celular para identificar objetos e textos e fornecer informações ao usuário. Graças à LG, sabemos que novidades do Lens estão por vir no I/O 2018. Ao lançar o smartphone G7 ThinQ, a empresa mostrou um botão dedicado ao Google Assistant e afirmou que o aparelho será um dos primeiros a receber o Lens. Eles ainda confirmaram que a conferência trará mais detalhes sobre o recurso.

Internet das Coisas

Em 2016 o Google anunciou o Android Things, sistema operacional voltado para a Internet das coisas. Ele vai rodar em dispositivos que operam como um quiosque e exibem só um aplicativo, como caixas eletrônicos e terminais de informações públicas, ou aparelhos que não possuem tela, como sensores e eletrodomésticos. Os smart displays, que tiveram vários modelos apresentados na feira CES este ano, usam também o Things.

Tudo indica que a ideia da companhia é resolver os problemas de segurança e atualização que assombram atualmente os aparelhos inteligentes. Diferente do que acontece com smartphones, os fabricantes dos objetos não poderão modificar o sistema operacional, o que permite que os updates cheguem mais facilmente, direto do Google. Depois de oito versões de testes, a primeira estável, o Android Things 1.0, pode ser lançada no evento.

Outra perspectiva no ramo da internet das coisas é quanto aos carros. Podem estar a caminho grandes anúncios sobre o aplicativo Android Auto e o sistema operacional Android Automotive.

Smart display exibido na CES 2018 (Foto: Thássius Veloso/TechTudo)

Smart display exibido na CES 2018 (Foto: Thássius Veloso/TechTudo)

Realidade virtual e realidade aumentada

Uma nova versão do Daydream View, óculos de realidade virtual do Google, surgiu no fim do ano passado. Agora é hora de vermos uma interface renovada para o Daydream, seja com o uso do smartphone ou um óculos independente. Aliás, espera-se que a empresa foque mais nesses aparelhos autônomos, que não precisam de um celular para funcionar. Conteúdos em realidade virtual também devem marcar presença, incluindo projetos filmados com câmeras VR 180, jogos e experiências educacionais.

Já na área da realidade aumentada, deve ser lançada uma atualização para a plataforma ARCore, tecnologia que facilita a introdução de AR a aplicativos pelos desenvolvedores. Melhor manuseio de superfície, melhor correção de luz e sombras e suporte para maior variedade de telefones estão entre as expectativas. O mesmo vale para os AR Stickers, truque divertido que permite a interação de figuras virtuais no app da câmera nos smartphones Pixel.

Daydream View (Foto: Divulgação/Google)Daydream View (Foto: Divulgação/Google)

Daydream View (Foto: Divulgação/Google)

Google Apps

O keynote “Android & Play” deve trazer uma visão geral das principais novidades dos maiores aplicativos do Google: YouTube, Fotos, Gmail, Maps etc. A empresa já destacou a importância do Assistant e da inteligência artificial, portanto, é de se esperar uma amostra do papel desses apps nesta frente.

Também podem ser apresentadas novas estratégias com relação aos Instant Apps e os Progressive Web Apps (PWA). Os dois recursos buscam oferecer experiências nativas parecidas com a dos aplicativos, sem a necessidade de passar por todo o processo de baixar, instalar e rodar um app tradicional. Além de tudo isso, o Google I/O 2018 pode ainda revelar atualizações nos Chromebooks, Wear OS, Google Contacts, YouTube Music e muitas ferramentas para desenvolvedores.

Compartilhe o conteúdo